Planejamento e disciplina ajudam a estudar em casa

Conheça algumas dicas valiosas que vão facilitar a sua preparação para provas importantes.


Disciplina é a atitude mais importante para quem precisa estudar por conta própria – seja para as provas da escola ou faculdade, seja para prestar um concurso público. Qualquer que seja seu caso, é importante aproveitar essa época de isolamento social, por conta da pandemia do coronavírus, para se aprofundar nos conhecimentos e absorver o máximo possível de conteúdo para as avaliações que virão pela frente.


Além de disciplina, algumas dicas e orientações direcionadas podem auxiliar bastante. Afinal, ter metas definidas e um bom planejamento são itens fundamentais para se alcançar o objetivo – das aprovações acadêmicas ou do tão sonhado emprego público.


Por isso, trazemos algumas dicas para ajudá-lo a estudar e se preparar em sua própria casa.


Desenvolva o hábito de estudar

Os especialistas são unânimes em afirmar que o conhecimento é construído aos poucos. Portanto, para assimilar bem qualquer conteúdo é preciso estar constantemente aprendendo, e a melhor forma é estudar todos os dias. Biologicamente isso se explica porque a cada novo aprendizado, as ligações entre os neurônios se renovam e se fortalecem; quanto mais você aprender, mais as exercita, fazendo com que a conexão fique mais rápida.

Local adequado

Um ambiente simples e silencioso é o ideal para estudar. Quanto menos distrações estiverem presentes, melhor. Procure um local claro para realizar seus estudos, pois a luminosidade ajuda a tirar a sonolência e manter a concentração. Levantamentos apontam que escolher corretamente um local de estudos proporciona um aumento de 20% no desempenho dos estudos.

É fácil comprender isso. Muitas vezes, quando você está lendo um texto, por exemplo, seu foco pode estar no livro, mas na realidade seu cérebro está captando tudo ao seu redor. Por isso, locais com barulho e outras distrações prejudicam a concentração e a memorização.

Planejamento dos horários

A concentração diminui a cada 50 minutos de estudos consecutivos. Por isso, é ideal parar 10 minutos por hora para descansar. Mas como colocar isso em prática, diante de tantas matérias ou conteúdos importantes para se assimilar? Para casos como esse, os especialistas em técnicas de estudo recomendan utilizar a fórmula:

  • matérias com maior peso e maior dificuldade: 40% do tempo total de estudo;

  • matérias com maior peso e menor dificuldade: 40% do tempo total de estudo;

  • matérias com menor peso e maior dificuldade: 10% do tempo total de estudo;

  • matérias com menor peso e menor dificuldade: 10% do tempo total de estudo.

Assim, é possível organizar os horários da seguinte forma: 1 hora e 10 minutos de estudo para a matéria que tem mais peso e tem mais dificuldade; 1 hora e 10 minutos de estudo para a matéria que tem mais peso e menos dificuldade; 40 minutos de estudo para a matéria que tem menos peso a mais dificuldade; mais 40 minutos de estudo para a matéria que tem menos peso e menos dificuldade, e 20 minutos de pausa.

Com isso, você vai dividir o tempo de maneira a estudar o suficiente para as matérias mais importantes sem deixar de rever as matérias que já são conhecidas. Uma dica importante: pesquisas mostram que a capacidade de raciocínio atinge a potência máxima por volta de 11 horas, por isso, estude o assunto mais importante do dia no horário da manhã.

Autocontrole

É fundamental estipular horários fixos para comer e dormir. Fazer essas atividades em horários aleatórios prejudica a ambientação do corpo e, por consequência, o rendimento. Não esqueça que o sono é um fator muito importante: o ideal é que o estudante durma oito horas por noite.


--

FONTE: https://diariodonordeste.verdesmares.com.br/editorias/2.790/online/planejamento-e-disciplina-ajudam-a-estudar-em-casa-1.2245169

Sistema de Ensino Planeja Concursos - CNPJ 31.442.657/0001-32

atendimento@planejaconcursos.com

© 2014 - 2020 Planeja Concursos