Como melhorar a sua concentração nos estudos

 

 

Estudar requer muita concentração, pois sem concentração não há aprendizagem. Vários fatores influenciam na nossa concentração, o que pode atrapalhar o seu rendimento nos estudos.

 

É comum uma vez ou outra se dispersar durante o estudo. Porém, quando isso se torna habitual é momento de ligar o alerta e descobrir por que anda tão desatento.

 

Algumas situações do dia a dia podem atrapalhar a sua concentração, tais como a fadiga (física ou mental), ansiedade, não gostar de estudar, um ambiente desconfortável, dentre outros fatores.

 

Para driblar essas situações que impedem a concentração devemos encontrar soluções para contornar esses atores e assim melhorar a sua capacidade de concentração. Antes de tudo, você deve identificar quais são as suas fraquezas com relação a isso, e assim trabalhar em cima dessas questões.

 

Aqui vão algumas dicas de como melhorar a sua capacidade de concentração nos estudos:

 

1. Identifique as distrações que mais afetam você quando você começa estudar, o

momento que começa a ficar cansado e disperso. Identificado isso você deverá

procurar alternativas para eliminar essas situações, tais como alteração do horário de estudo, estudar em um ambiente silencioso e mais confortável, desligamento de

aparelhos eletrônicos, dentre outros fatores que você identificou que foram os

responsáveis pela sua falta de concentração.

 

Eliminar todos esses fatores de uma só vez nem sempre será possível. Isso será um

exercício diário e aos poucos você vai reconhecendo suas fraquezas e como poderá

contornar essas situações.

 

2. Faça pausas durante o estudo. Estudar por horas seguidas, sem pequenas pausas, faz seu rendimento cair e torna o estudo cansativo. A sua mente precisa descansar, pois sem esse momento de descanso o cérebro tende a absorver menos conteúdo.

 

Reconhecer o eu limite é essencial. Para alguns estudar durante uma hora seguida

pode ser muito proveitoso, enquanto para outras pessoas não. Então, reconheça seus limites e dentro desse período faça pequenas pausas para descansar a mente, beber água, ir ao banheiro, fazer um lanche, etc.

 

Mas siga o que foi planejado. Se o seu intervalo for de 15 minutos, respeite esse

tempo estabelecido, não exceda! Durante a semana também tenha dias de descanso. Descansar faz parte da preparação. Sai com os amigos, faça coisas prazerosas para você e retome o estudo no próximo dia com as baterias recarregadas.

 

3. Treine sua capacidade de concentração. Concentração também requer treino, além de utilização de estratégias. Exercite a sua memória e concentração. Sempre que possível faça jogos caça-palavras, palavra-cruzada, dentro outros. Nem sempre hábitos e treinos em relação aos estudos estão dentro de um livro. Use a criatividade!

 

4. Atenção ao ambiente o qual você estuda. Evite estudar no quarto, na cama, com a TV ligada. Estude em um ambiente que seja confortável, mas não tão confortável a ponto de você se sentir totalmente relaxado e desatento.

 

Se você não tem um local específico para estudar, estude na sala da sua casa ou na

cozinha, mas evite o seu quarto. Evite locais com interferências externas que vão

atrapalhar a sua concentração, como por exemplo músicas que você goste e possa

ficar cantarolando, família conversando, etc. Se o melhor para você for estudar em

uma biblioteca, porque lá não tem interferências externas, então vá para lá.

 

Reconheça os locais os quais você consegue melhor concentração e procure estudar

nestes locais. Às vezes também mudar radicalmente de ambiente pode ser proveitoso. Novos ares trazem inspiração e concentração.

 

5. Pratique exercícios físicos. A prática de exercício físico, segundo pesquisas científicas, aumentam a oxigenação no cérebro, o que melhora a capacidade de cognição. Alem disso, com a prática de atividade física nos sentimos mais dispostos para as atividades do dia a dia. Qualquer atividade física faz bem ao sistema nervoso, porém atividades aeróbicas, como correr e nadar, são mais eficientes no sistema neurotransmissor. Não é preciso ser um atleta, mas pratique regularmente exercício físico.

 

6. Programe o seu dia e controle a ansiedade. Nos dias atuais ninguém tem mais tempo para nada. São sempre várias tarefas ao longo do dia que vão se acumulando e com isso ficamos irritados e ansiosos. O primeiro passo a ser tomado no controle dessa ansiedade é programar o seu dia.

 

Programa o seu dia sempre no dia anterior. Estabeleça todas as tarefas, depois

selecione as tarefas prioritárias e monte o seu planejamento do dia. Tenha sempre

horários reservas para os imprevistos que podem acontecer. Assim, você saberá

exatamente o que deve fazer, quando irá fazer e ainda terá tempo reserva para

resolver os imprevistos. Isso diminui a sua ansiedade e você tem um dia organizado.

 

Para finalizar quero te lembrar que você pode ter um estudo de qualidade dentro da

sua realidade. Seus métodos de estudo você irá aprender dia a dia a partir do reconhecimento das suas fraquezas e das alternativas que você irá criar para driblar esses percalços. Um caminho de sucesso é construído dia a dia!

 

Autor: Isabella Almeida

Autorizada a reprodução desde que citada a fonte

Please reload

Últimas

September 13, 2019

Please reload

PLANEJACONCURSOS.COM

PARCEIROS:

logo gen.jpg
Logo_cursoenfase.png

REDES SOCIAIS:

  • Facebook
  • YouTube
  • Instagram
Planeja Concursos - © 2014 - 2019 
Sistema de Ensino Planeja Concursos - CNPJ 31.442.657/0001-32