top of page

Bons hábitos para encontrar motivação para estudar


Hábitos para aumentar a motivação para estudar

Mas, se a motivação para estudar estiver em falta na rotina do aluno, fica difícil aproveitar os benefícios que listamos e pior ainda para cumprir com todas as lições e conseguir boas notas. É nessa hora que os pais e responsáveis precisam avaliar o que de fato está causando o desânimo no pequeno e buscar ajuda profissional e alternativas adequadas para resolver a situação.

Porém, além disso, existem centenas de hábitos saudáveis e práticos de introduzir no dia a dia da garotada e que certamente farão a diferença no seu interesse pelos estudos. Abaixo selecionamos alguns deles para você testar com seus filhotes. Veja:


Delimite metas diárias de estudos

Se a motivação para estudar surge com a satisfação de concluir uma tarefa, delimite metas diárias possíveis de cumprir. Ou seja, de acordo com o ritmo de estudo do aluno, escolha os assuntos que serão abordados no período de uma ou duas horas — sempre contando os intervalos — e finalize com uma ficha de exercícios de fixação ou resumo do conteúdo.


Faça um exercício de visualização

O exercício de visualização deve ser feito antes de dar início aos estudos, e funciona com uma espécie de meditação a respeito do que o estudante deseja alcançar com a sua dedicação — que pode ser desde obter notas melhores até gabaritar uma prova para conseguir boas recompensas, como um passeio com os colegas, por exemplo.


Reconheça suas conquistas

É importante reconhecer o esforço das crianças ao fazer as atividades com palavras de encorajamento como, por exemplo, “Tinha certeza que conseguiria fazer tudo no tempo estipulado!”. Isso vai manter a criança estimulada e feliz, e fará com que se dedique sempre.


Diversifique as metodologias usadas

Atualmente a pedagogia dispõe de centenas de metodologias de ensino que podem ser adaptadas para o nível e o ritmo de cada aluno. É muito importante encontrar uma que propicie os melhores resultados para o seu filho, mas também é necessário variar nas estratégias para fugir da monotonia. Assim, adotar algumas dinâmicas e brincadeiras educativas é uma ótima opção.


Defina um período de foco

Com o passar das horas é normal que o cérebro perca um pouco do foco e a motivação para estudar comece a cair. Para evitar esse deslize de atenção, defina períodos de foco com breves intervalos entre um e outro. Dito isso, a Técnica Pomodoro de gerenciamento de tempo, que consiste em quatro blocos de 25 minutos de foco com intervalo de 5 minutos ao final de cada bloco, é muito utilizada por estudantes e pode ser adaptada para o seu filho.


Dê intervalos para alongar

Durante os intervalos é fundamental que a criança se levante da cadeira, alongue as pernas e a coluna por alguns minutos e, se possível, dê alguns passinhos pela casa antes de retornar para o lugar. Essa pausa ajuda o cérebro a restaurar a energia e evita o cansaço físico causado por ficar horas seguidas na mesma posição.


Estabeleça períodos de descanso

Como falamos, o descanso também é importante para evitar a exaustão mental e precisa ser respeitado. Por isso, mesmo que seu filho tenha motivação para estudar todos os dias da semana, não deixe de estabelecer períodos maiores de descanso e de definir ao menos um dia semanalmente para praticar outras atividades de lazer — sem o peso de ter que estudar no mesmo dia.



--

FONTE: https://redballoon.com.br/blog/motivacao-para-estudar/

Comments


Últimas
bottom of page