Concurso do Ministério da Economia tem 590 vagas de emprego; salário de R$6 MIL



O concurso do Ministério da Economia foi aberto com 590 vagas de emprego temporárias, em formato de processo seletivo simplificado. Conforme edital, serão 100 oportunidades imediatas e 490 para cadastro de reserva. Há funções para nível médio/técnico e superior de ensino.


Os salários vão de R$ 1.700 a R$ 6.130 para atuação em Brasília. As vagas são para graduados em qualquer área de formação ou nos cursos de Administração, Economia, Contabilidade ou Direito, e para técnicos em Administração, Contabilidade ou Informática.


Como se inscrever para o concurso do Ministério da Economia:


As inscrições devem ser feitas até 14 de março no site do Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (IDIB). A taxa de inscrição varia de R$ 36 a R$ 38. A seleção será por meio de prova objetiva, a ser realizada no dia 4 de abril, e análise de títulos.


A contratação é por tempo determinado, para suprir a demanda temporária de pessoal nas secretarias Especial de Produtividade, Emprego e Competitividade (SEPEC); de Políticas Públicas de Emprego (SPPE) e Subsecretaria de Supervisão e Estratégia (SUPE). Confira as oportunidades abertas:


  • Atividades Técnicas de Formação Específica – nível intermediário: 8 vagas + 52 em cadastro reserva. Para profissionais com curso técnico nas áreas de Administração, Contabilidade ou Informática. O salário é de R$ 1.700;

  • Atividades Técnicas de Complexidade Intelectual: 4 vagas imediatas + 36 em cadastro reserva. É necessário ter formação superior em Administração, Economia, Contabilidade ou Direito. Além disso, é preciso ter experiência superior a três anos em organizações públicas/privadas ou possuir título de pós-graduação lato sensu, mestrado ou doutorado, na área. O salário é de R$ 6.130;

  • Atividades Técnicas de Suporte: 88 vagas imediatas para profissionais de qualquer graduação + 402 em cadastro reserva. O salário é de R$ 3.800.


A prova objetiva do concurso será composta por 60 questões de múltipla, com conteúdos de: Língua Portuguesa; Ética na Administração Pública e Legislação; Informática Básica e conhecimentos específicos. A etapa terá duração máxima de quatro horas.


O concurso do Ministério da Economia terá validade de dois anos, a contar da data de publicação de sua homologação. O prazo poderá ser prorrogado uma única vez por igual período. As informações estão disponíveis em edital.


--

FONTE: https://fdr.com.br/2021/02/17/concurso-do-ministerio-da-economia-tem-590-vagas-de-emprego-salario-de-r6-mil/

Últimas
unnamed.png

Sistema de Ensino Planeja Concursos - CNPJ 31.442.657/0001-32

atendimento@planejaconcursos.com

© 2014 - 2021 Planeja Concursos